Bibliotecas Comunitárias promovem a literatura como direito humano

27/12/2017 19:15
noticia  Bibliotecas Comunitárias promovem a literatura como direito humano
noticia  Bibliotecas Comunitárias promovem a literatura como direito humano

Com mais de 110 bibliotecas espalhadas pelo Brasil, a Rede Nacional de Bibliotecas Comunitárias (RNBC) forma  leitores e promove o acesso à cultura literária e ao livro nas regiões Norte, Nordeste, Sul e Sudeste do país. Criada em 2015, a Rede tem o apoio financeiro e institucional do Programa Prazer em Ler do Instituto C&A.

As ações da RNBC e do Programa Prazer em Ler foram reconhecidas na 2° edição do Prêmio IPL - Retratos do Brasil 2017, do Instituto Pró-Livro, ao vencer na categoria de bibliotecas. "Esse foi um ano de muitas ações. Organizamos três encontros nacionais: em São Luís, no Pará e em Recife em São Luís, Belém e Recife. Além disso, as bibliotecas da Rede realizaram seminários e ações voltadas para políticas públicas do livro e da leitura em seus municípios. Findar o ano com esse prêmio nos fortalece e evidencia o belíssimo trabalho das bibliotecas comunitárias do Brasil: de resistência, força e união", afirmou Rodrigo Pita, integrante do Conselho Gestor da RNBC.

 

Desde a sua formação, a Rede Nacional tem como objetivos influenciar políticas públicas com orçamento para as bibliotecas comunitárias, promover o livro e a literatura como um direito humano. "Seguimos potencializando as bibliotecas na luta pela democratização do livro e da cultura literária no país e para a manutenção de nossos espaços. Em 2018, a RNBC está engajada para agregar mais bibliotecas, dialogar com outros atores na área do livro e da leitura, ocupando cada vez mais as plenárias das câmaras e os espaços públicos, as ruas e as vielas na resistência pelas bibliotecas e para a promoção da leitura no país" afirmou Rodrigo.

A Rede Nacional de Bibliotecas Comunitárias está presente nos estados de Pernambuco, Rio de Janeiro, Maranhão, São Paulo, Rio Grande do Sul, Ceará, Salvador, Minas Gerais e Pará.